Endocrinologia

A Endocrinologia é a área médica que estuda o sistema endócrino, responsável pela produção e controlo das hormonas, e o seu impacto no metabolismo. O Endocrinologista é o médico especializado no diagnóstico e tratamento das patologias relacionadas com as glândulas endócrinas, e as suas consequências no organismo humano.

Entre as patologias tratadas por Endocrinologistas são de realçar as seguintes.

- Diabetes mellitus
As formas de diabetes que justificam observação por Endocrinologia são aquelas que ocorrem com menos frequência, ou nas quais o potencial de lesão a curto prazo é mais elevado. Muitos indivíduos com diabetes mellitus tipo 2 bem controlada apenas com esquemas terapêuticos simples, e sem complicações ou comorbilidades, não beneficiam de observação por Endocrinologista na maior parte dos casos. As restantes causas de diabetes, principalmente a diabetes tipo 1, a diabetes na grávida, e as apresentações de diabetes secundária a outras patologias, deverão ser encaminhadas para Endocrinologista. De realçar também a necessidade frequente do recurso a tecnologias avançadas no tratamento da diabetes, como por exemplo as bombas infusoras de insulina, os monitores contínuos da glicose intersticial, ou sistemas de suporte à decisão na óptica do utilizador.

- Patologia da glândula tiroideia
A deficiência de hormona tiroideia (ie hipotirodismo) pode justificar observação nalguns casos, de difícil controlo, com sintomatologia  persistente, ou em caso de dúvida. Por outro lado, todo o indivíduo com excesso de hormona tiroideia (ie hipertiroidismo) deve ser avaliado por Endocrinologista, assim como casos suspeitos ou confirmados de cancro da tiróide.

- Patologia da glândula hipofisária
A glândula hipofisária é a glândula mestra do nosso corpo. Ela produz hormonas que controlam a atividade das restantes glândulas, pelo que a disfunção hipofisária pode ter implicações ímportantes, nalguns casos a todos os níveis do sistema endócrino.

- Patologia da glândula suprarrenal
O excesso ou deficiência de cortisol, os tumores produtores de adrenalina, tumores malignos da suprarrenal, e as causas hormonais de hipertensão são as patologias mais frequentemente avaliadas.

- Patologia das gónadas
Dentro deste grupo, a causa mais frequente de avaliação é a suspeita de excesso de hormonas masculinas na mulher, com as suas diversas manifestações (excesso de pêlo, acne de difícil tratamento, irregularidades menstruais, perda de cabelo, etc). Porém, a deficiência de testosterona no homem, ou de estrogénio na mulher, podem ter consequências importantes ao nível da qualidade de vida, assim como da saúde óssea e cardiovascular.

- Alterações do metabolismo do fósforo e do cálcio
O excesso ou o défice de hormonas relacionadas com a gestão interna dos níveis de cálcio e fósforo podem ter manifestações ósseas, renais, musculares, e neuro-psiquiátricas. Neste grupo, é de realçar o hiperparatiroidismo como uma causa de osteoporose e litíase renal.

- Obesidade
O ganho de peso rápido, particularmente quando se acompanha de outras manifestações, como por exemplo, diabetes, hipertensão ou hipercolesterolemia de novo e resistentes à terapêutica, pode ser secundário a causas endócrinas de obesidade. A obesidade marcada deve também ser avaliada.

A avaliação por Endocrinologista é frequentemente requisitada na sequência de uma referenciação por um Médico de Família, ou por outro especialista médico.

Agende a sua consulta com o nosso especialista - Dr. César Esteves.

Especialistas:

Dr. César Esteves

Internato de Ano Comum no Hospital de São João, EPE (2009). Internato de Formação Específica em Endocrinologia - Nutrição no Serviço de Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo do Centro Hospitalar Universitário de São João, EPE (2010 - 2015). Assistente Hospitalar de Endocrinologia - Nutrição no Serviço de Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo do Centro Hospitalar Universitário de São […]

Marcação de Consultas

Faça a sua pré-marcação de consulta aqui
Marque já a sua consulta
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram